1. Discover Toyota
  2. Noticias Toyota
  3. Toyota lança o GR86 em Portugal

Toyota lança o GR86 em Portugal

  • O novo coupé GR86 é o terceiro modelo global GR da Toyota, desenvolvido com a experiência técnica da TOYOTA GAZOO Racing
  • Concebido para puro prazer de condução, um “carro analógico para a era digital”
  • Uma evolução das qualidades que definiram o aclamado coupé GT86, mantendo a clássica configuração motor dianteiro/tração traseira
  • Novo motor “boxer” de 2,4 litros naturalmente aspirado proporciona aumentos significativos de potência e binário
  • Transmissões afinadas para garantir uma aceleração suave e potente até às altas rotações
  • Houve um foco no aumento da rigidez da carroçaria e na redução do peso, bem como num centro de gravidade mais baixo, para um desempenho e capacidade de resposta mais ágeis
  • design retém sinais que fazem referência à herança da Toyota em automóveis desportivos, ao mesmo tempo que adota características aerodinâmicas com origem nos desportos motorizados
  • Um modelo exclusivo com vendas para a Europa limitadas a apenas dois anos

O novo GR86 é o terceiro modelo global GR da Toyota, a gama composta agora por 3 puros desportivos, desenvolvidos de raiz. Um desportivo 2+2 que se junta ao GR Supra e o GR Yaris. Tal como estes, o GR86 beneficia diretamente do envolvimento da TOYOTA GAZOO Racing no desporto automóvel internacional ao mais alto nível, onde já foi campeã várias vezes.

O novo coupé foi desenvolvido para ser uma referência em termos dinâmicos e desempenho desportivo. Uma evolução do anterior GT86, o modelo que sinalizou o compromisso renovado da Toyota para com o desporto automóvel, mantém a configuração clássica de motor dianteiro e tração traseira. O motor continua a ser uma unidade “boxer” de quatro cilindros opostos que pode atingir regimes de rotação elevados, mas com um aumento de cilindrada, com os consequentes ganhos significativos de potência e binário. Ajustes técnicos no motor e nas transmissões asseguram que este potencial extra é alcançado com uma aceleração suave e potente em todos os regimes de rotações.

A construção do chassis centrou-se na redução do peso e no rebaixamento do centro de gravidade do veículo, para garantir uma dinâmica ainda mais precisa e uma maior capacidade de resposta. Há uma utilização mais ampla do alumínio e de outros materiais leves mas resistentes e um reforço estratégico da estrutura do automóvel para alcançar uma maior rigidez em toda a sua extensão. Os sistemas de suspensão também beneficiam de ajustes específicos para otimizar a manobrabilidade, já que os designers tiveram o apoio dos seus colegas da competição automóvel no desenvolvimento de novas características aerodinâmicas para a carroçaria.

As vendas para a Europa (consequentemente em Portugal) serão limitadas a apenas dois anos, o que significa que esta é uma proposta exclusiva e limitada no tempo.

MOTORIZAÇÃO

  • O motor “boxer” do GT86 foi melhorado com um aumento da capacidade para 2,4 litros, para potência extra, mais binário e aceleração mais rápida
  • 234 cv/172 kW a 7000 rpm, 250 Nm a 3700 rpm e 0-100 km/h em 6,3 segundos (com transmissão manual)
  • O motor atmosférico dá uma sensação de aceleração suave em todos os regimes de rotações
  • As transmissões, manuais e automáticas, de seis velocidades foram modificadas para proporcionar uma aceleração mais suave e potente em todos os regimes de rotações

MOTOR “BOXER” DE 2,4 LITROS

Tal como com o GT86, o motor com cilindros horizontalmente opostos – “boxer” – é um elemento determinante do novo GR86, sendo o cerne do seu desempenho e o principal responsável pelo baixo centro de gravidade.

A estrutura básica e todas as partes do motor foram otimizadas, mas as suas dimensões e peso mantêm-se inalteradas. Foram tomadas medidas para assegurar que o maior desempenho não tem um impacto negativo na durabilidade; do mesmo modo, o tratamento térmico do maior volume de gases de escape foi cuidadosamente gerido.

A unidade de quatro cilindros com dupla árvore de cames (DOHC) de 16 válvulas naturalmente aspirada utiliza o mesmo bloco de cilindros que antes, mas a cilindrada foi aumentada de 1998 para 2387 cc. Isto foi conseguido através do aumento do diâmetro dos cilindros, de 86 para 94 mm.

Mantendo a mesma taxa de compressão elevada de 12,5:1, o motor fornece mais potência: a potência máxima aumentou cerca de 17%, de 200 cv/147 kW para 234 cv/172 kW a 7000 rpm. Por conseguinte, o tempo de aceleração dos 0 aos 100 km/h foi reduzido em mais de um segundo, para 6,3 segundos (6,9 segundos com transmissão automática). A velocidade máxima do GR86 é de 226 km/h com transmissão manual, 216 km/h para a automática.

O binário também foi aumentado, tendo o desempenho sido afinado para que o pico de 250 Nm seja alcançado mais rapidamente, neste caso, a 3700 rpm, em comparação com os 205 Nm a 6600 rpm do GT86. Isto ajuda a proporcionar uma aceleração suave, potente e sem stress até à alta rotação do motor (máx. 7500 rpm), proporcionando um desempenho gratificante, particularmente ao acelerar à saída de uma curva. O binário de saída é o mesmo tanto com transmissão manual como automática.

Foram feitas alterações específicas para reduzir o peso do motor e assegurar um desempenho apropriado para a maior potência do mesmo. Estas alterações incluem revestimentos dos cilindros mais finos, otimização dos componentes da câmara de água e tampa das válvulas em material de resina em vez de alumínio, o que também reduz a vibração. A vibração e o ruído também foram reduzidos através da utilização de mancais frontais e traseiros sintetizados à base de ferro.

As alterações para aumentar o diâmetro dos cilindros foram concebidas de modo a que a fiabilidade e a gama de alta velocidade não sejam afetadas. O diâmetro da cambota foi aumentado, as bielas foram reforçadas e a forma do rolamento da biela e da câmara de combustão foram otimizadas.

A injeção de combustível D-4S, que utiliza tanto injeção direta como injeção no coletor de admissão, foi afinada para uma resposta mais rápida às acelerações do condutor. A injeção direta tem um efeito de arrefecimento nos cilindros, que suporta a utilização de uma elevada taxa de compressão; a injeção no coletor de admissão funciona sob cargas leves e médias do motor, maximizando a eficiência.

A respiração do motor também foi melhorada com alterações no diâmetro e comprimento da porta do coletor de admissão, contribuindo para um fornecimento de binário mais linear (sem perda de binário a velocidade média) e aceleração elástica até altas velocidades. A admissão de ar foi redesenhada para otimizar o fluxo de ar, com superfícies curvas em toda a extensão para suprimir qualquer som irradiado.

As válvulas de admissão têm um diâmetro maior para acomodar o aumento do volume de ar. Para contrariar o subsequente aumento de peso, as válvulas têm agora veios ocos e a sua forma foi otimizada. Foi adotado um novo desenho de mola da válvula, com um comprimento definido e três níveis de passo desiguais para suprimir qualquer efeito acentuado a alta velocidade. O aumento do diâmetro do corpo do acelerador contribui para a maior potência do motor, tal como os ajustes no design do sistema de admissão de ar, incluindo uma placa simplificada para evitar turbulência.

Outros benefícios são obtidos com um novo design de bomba de combustível, para assegurar um fluxo consistente em curva, e uma bomba de água de alta velocidade mais pequena, concebida para maior desempenho a altas velocidades, com um melhor caudal e fiabilidade. Foi acrescentado um novo refrigerador de óleo arrefecido a água de cinco níveis, mais compacto mas com melhor desempenho.

O desempenho do radiador foi melhorado sem comprometer o design desportivo do GR86. É mais espesso, para proporcionar um melhor desempenho, e inclinado 17 graus para a frente, para que possa ser acomodado dentro do espaço disponível. A potência do motor do radiador aumentou de 120 para 200 W e foram instaladas guias de ar, para aumentar a quantidade de ar aspirado para dentro da unidade. O motor não tem escovas, reduzindo a quantidade de espaço necessário e permitindo um controlo mais silencioso, com três modos (desligado/baixo/alto).

Para combater o ruído e as vibrações, o GR86 tem um novo apoio do motor em alumínio e as características de amortecimento dos apoios hidráulicos foram otimizadas, contribuindo para o conforto dos passageiros, mesmo em viagens longas. Também foi desenvolvida uma estrutura melhorada e mais rígida do cárter do óleo, com um novo formato e pontos de fixação dos apoios do motor.

A reavaliação exaustiva dos componentes do grupo motopropulsor inclui a deslocação do alternador 10 mm para baixo, uma alteração que melhora a proteção dos peões em caso de impacto. O alternador tem uma nova polia amortecedora, que reduz a carga no sistema de correia de transmissão, melhorando a fiabilidade e os níveis de ruído e vibração, mesmo com o aumento do movimento rotativo do motor como resultado do aumento do volume de escape. A tensão gerada pelo alternador é monitorizada e mantida a um nível ótimo pela ECU do carro, de acordo com as condições de condução.

SISTEMA DE ESCAPE

Além de cumprir todos os requisitos de emissões, o sistema de escape do GR86 foi concebido para um maior rendimento e um excelente desempenho em termos de ruído e vibração. A forma do coletor e o diâmetro do tubo dianteiro foram melhorados para lidar com o maior cilindrada e maior rendimento do motor, e o fole foi melhorado para obter uma melhor resistência ao calor ao entrar em contacto com os gases de escape mais quentes.

O tubo central tem uma capacidade aumentada de 5,6 litros e está inserido diretamente no silenciador principal, reduzindo o comprimento do tubo. O silenciador tem uma nova estrutura de carapaça soldada a laser de camada única.

O escape produz um “rugido” satisfatório na aceleração, aumentado por um sistema de Controlo de Som Ativo (ASC) que transmite o som do motor para a cabina através de um altifalante dedicado no centro do painel de instrumentos. O volume do ASC no GR86 automático é ajustado de acordo com o modo de condução selecionado, sendo que é mais alto para o modo Desportivo do que para o modo Neve ou Normal.

TRANSMISSÕES

As transmissões manuais e automáticas de seis velocidades do GR86 foram ambas melhoradas em função do aumento da potência e do binário do motor e para desempenharem o seu papel na qualidade essencial de proporcionar prazer na condução do automóvel.

A transmissão manual desportiva é concebida para lidar com a maior potência do carro e tornar o controlo do mesmo mais agradável. A capacidade da embraiagem e a força da engrenagem foram aumentadas e o funcionamento da embraiagem foi calibrado para lidar com o aumento do binário do motor. A utilização de um novo óleo de baixa viscosidade e novos rolamentos assegura a suavidade na troca de velocidades mesmo com a maior potência do motor. A introdução de um sincronizador de carbono dá à quarta mudança, frequentemente utilizada, uma sensação de mudança de velocidade suave.

A alavanca de velocidades foi redesenhada para um movimento curto e preciso e um encaixe confortável na mão do condutor, enquanto que a utilização de óleo de baixa viscosidade e suportes dos rolamentos no mecanismo reduz a força de operação em cerca de 30% a baixas temperaturas.

Para explorar plenamente o potencial de desempenho do carro, o condutor pode mudar para o modo Pista, ou desligar o Controlo de Estabilidade do Veículo.

A transmissão automática inteligente, controlada eletronicamente, dispõe de patilhas seletoras que permitem ao condutor assumir o controlo manual das mudanças de velocidade. O seu desempenho pode ser adaptado a quatro modos de condução diferentes: Normal, Desportivo, Neve e Pista. No modo Desportivo, a transmissão seleciona automaticamente a mudança ideal em função da utilização do travão e do acelerador por parte do condutor e do comportamento dinâmico do veículo. Para assegurar o aproveitamento suave da maior potência do motor, foram introduzidos discos de embraiagem adicionais e um novo conversor de binário de alta capacidade.

RUÍDO E VIBRAÇÃO

Para reduzir os níveis de ruído e vibração no habitáculo, a utilização de materiais de absorção de som e de isolamento foi melhorada com um isolador do túnel da transmissão maior (no modelo manual) e alterações às especificações da cobertura da transmissão. São também utilizados novos materiais isolantes no capô e no painel de instrumentos, bem como novas placas de isolamento acústico nos tapetes do chão adjacentes ao túnel central (modelo manual).

CHASSIS E MANOBRABILIDADE

  • O chassis leve e de alta rigidez proporciona uma manobrabilidade precisa e uma resposta fiel aos movimentos do condutor
  • Materiais novos, resistentes e leves utilizados estrategicamente em toda a estrutura da carroçaria
  • Peso sem carga em ordem de marcha quase inalterada em comparação com o GT86
  • Foco no rebaixamento do centro de gravidade do coupé, reduzindo o peso e otimizando o equilíbrio do peso dianteiro/traseiro
  • Direção, suspensão e travagem afinadas e adaptadas para um melhor desempenho e capacidade de lidar com o aumento da potência do motor

CHASSIS LEVE E DE ALTA RIGIDEZ

A dinâmica faz do GT86 uma referência, uma qualidade que a Toyota queria levar a um nível ainda mais elevado com o GR86, para proporcionar a emoção de um carro que se desloca exatamente como o condutor quer.

Para garantir que a potência adicional do motor se traduz numa manobrabilidade e capacidade de resposta gratificante, o chassis e a carroçaria foram repensados com a utilização de materiais leves mas de alta resistência, para proporcionar uma rigidez adicional ao mesmo tempo que reduzem o peso e a adição de reforços em áreas chave.

Na frente, foram adicionadas barras transversais diagonais às juntas entre a suspensão e a estrutura do carro, melhorando a transmissão de carga a partir dos pneus dianteiros e reduzindo a flexão lateral. A rigidez da caixa de torção foi reforçada, proporcionando uma transmissão de carga mais eficiente ao painel basculante. Foram introduzidos fixadores mais rígidos para ligar o membro frontal e as barras transversais da suspensão, ajudando a prevenir deformações localizadas e contribuindo para a estabilidade e controlo geral do automóvel. O capot tem uma nova estrutura interna diagonal, em vez do design anterior em favo de mel. Com estas medidas, a rigidez lateral da frente da carroçaria foi aumentada em 60%.

Na traseira, uma nova estrutura completa de aros liga o chassis superior e inferior e, como na dianteira, novos fixadores que ligam o quadro e os suportes de suspensão permitem uma melhor manobrabilidade sob as forças G geradas nas curvas. Com o painel interior agora ligado à plataforma, foi criada uma estrutura de armação contínua. Com estas medidas, a rigidez geral da carroçaria foi aumentada em 50%.

O foco na redução do peso e no rebaixamento do centro de gravidade do carro reflete-se na utilização de materiais fortes e leves em áreas chave; isto ajudou a baixar o centro de gravidade em 1,6 mm e a deslocar 0,05% da distribuição do peso para a traseira do carro. Estes incluem aços de alta resistência e estampados a quente e alumínio, que ajudam a controlar o comportamento transversal e longitudinal. Uma aplicação mais extensa de adesivos estruturais em toda a parte inferior da carroçaria contribui para a qualidade firme e conectada da estrutura do carro.

Agora é utilizado alumínio para o painel do tejadilho e os guarda-lamas dianteiros, bem como para o capot, com mais reduções de peso através de novos designs de banco dianteiro, silenciador e veio de transmissão. Estes são fundamentais para dar ao GR86 um equilíbrio de peso dianteiro/traseiro de 53:47 e torná-lo no desportivo de quatro lugares mais leve e com o centro de gravidade mais baixo do mercado. De facto, o peso do GR86 é quase igual ao do GT86, apesar da integração de características adicionais para segurança e proteção contra colisões.

PLATAFORMA E SISTEMA DE TRAÇÃO

O eixo dianteiro foi adaptado para melhorar a sua durabilidade e fiabilidade, enquanto nos eixos traseiros foi adotado um eixo motor leve mas potente para lidar com o maior binário produzido pelo motor. Do mesmo modo, foi introduzido um novo veio de transmissão para fornecer resistência, durabilidade e funcionamento silencioso, mas com peso reduzido dos componentes. A sua junta homocinética é também mais silenciosa e leve.

O diferencial de deslizamento limitado traseiro Torsen é baseado no modelo GT86 e proporciona uma tração de confiança em curva. Foram adicionadas alhetas de dissipação de calor à carcaça para ajudar no arrefecimento e a borracha utilizada para os apoios do diferencial foi otimizada para uma melhor resistência ao calor, em linha com o aumento da potência do motor.

SUSPENSÃO

O GR86 mantém a geometria de suspensão apresentados no GT86 – suspensão independentes tipo MacPherson à frente e duplo braço triangular na traseira, com desempenho afinado para um nível ainda mais elevado de resposta e manobrabilidade estável.

As características do amortecedor e da mola helicoidal foram otimizadas ao longo de todo o processo para proporcionar ao carro uma manobrabilidade previsível e estável. Na frente, foi adicionada uma mola de suspensão e um apoio do motor em alumínio e o apoio da caixa de direção é agora mais rígido.

Com mais binário a ser gerado pelo motor de 2,4 litros, a suspensão traseira foi reforçada com uma barra anti-aproximação agora ligado diretamente ao chassis auxiliar para máxima estabilidade. O próprio chassis auxiliar é mais rígido e a posição de ligação da escora inferior foi alterada. O resultado é uma configuração mais rígida, mas com peso reduzido, para suportar o desempenho e manobrabilidade típicos de um desportivo.

DIREÇÃO

O novo sistema de direção assistida elétrica (EPS) tem uma relação de 13,5:1 e requer apenas 2,5 voltas do volante de três raios do GR86 para virar completamente as rodas, proporcionando uma manobrabilidade fácil. O volante tem um acabamento em pele genuína e apresenta o logótipo GR na zona inferior.

No volante, estão integrados botões para funções frequentemente utilizadas, como os comandos de áudio e do telemóvel à esquerda e opções do painel de instrumentos e reconhecimento de voz à direita. A forma dos botões foi concebida para proporcionar uma sensação natural e uma operação intuitiva. A versão automática tem também patilhas de metal fundido preto montadas no volante.

O sistema de direção tem um novo motor integrado montado na coluna, que reduz o peso e ocupa menos espaço, ao mesmo tempo que melhora a capacidade de resposta e a manobrabilidade “leve” do carro. O apoio da caixa de velocidades é mais rígido, graças a um mancal de borracha dura e uma anilha remodelada.

TRAVÕES

O carro conta com discos de travão ventilados à frente e atrás, com 294 e 290 mm de diâmetro respetivamente, e o material de atrito dos calços de travão foi otimizado. A alavanca do travão de estacionamento montada no piso é apropriada para o perfil de desempenho do carro.

Os sistemas de controlo de travagem, ABS, Assistência à Travagem (BA), Controlo de Tração (TRC), Controlo de Estabilidade do Veículo (VSC), Controlo de Assistência ao Arranque em Subidas (HAC), são fornecidos de série, juntamente com um sistema de sinalização de travagem de emergência. Estes foram aperfeiçoados para melhorar o desempenho e a segurança.

O VSC pode ser ajustado em cinco modos diferentes para se adequar à preferência do condutor ou às condições de condução. Estes incluem um modo de condução desportiva sem apoio do VSC e controlo de tração desligado.

Modo Interruptor VSC OFF Interruptor VSC PISTA Função VSC Função TRC
1 Condução normal OFF OFF (NORMAL) VSC NORMAL ON
2 Arranque em estradas acidentadas,
para desprender o veículo quando preso
ON OFF (1)
3 Condução desportiva (com apoio VSC) ON ON (PISTA) VSC PISTA ON
4 Arranque / aceleração
durante a condução desportiva
ON OFF (1)
5 Condução desportiva
(sem apoio VSC, função TRC OFF)
Premir continuamente OFF OFF OFF

(1)A função TRC ligar-se-á automaticamente se a velocidade do veículo exceder 50 km/h

DESIGN

  • Conceito de design baseado no mote “beleza funcional” onde é criada uma união entre a qualidade funcional de um carro de corrida e o estilo apelativo de um carro de estrada
  • Uma evolução do design do GT86, expressando as proporções clássicas do desportivo com motor dianteiro e tração traseira
  • Características aerodinâmicas inspiradas na experiência nos desportos motorizados da TOYOTA GAZOO Racing
  • design interior centra a atenção do condutor na condução
  • Compartimento de carga flexível suficientemente grande para transportar um conjunto de pneus de pista (para track days) com os bancos traseiros rebatidos

EXTERIOR E AERODINÂMICA

O conceito de design do GR86 é “beleza funcional”, uma união entre funcionalidade, que pode fazer a diferença entre ganhar ou perder na pista, e um visual elegante que exprime um desempenho altamente responsivo e apelativo.

design exterior do GR86 é uma evolução do aspeto musculado e rebaixado do GT86, exprimindo a clássica configuração motor dianteiro/tração traseira. As projeções curtas contribuem para o aspeto ágil, juntamente com uma postura ampla e baixa, enquanto as portas dianteiras e traseiras e o habitáculo são acentuados individualmente, o que gera a sensação dinâmica de um autêntico desportivo. Os detalhes de design fazem referência a alguns dos grandes carros desportivos do passado da Toyota, como o 2000GT e o Corolla GT Twin-Cam 16v conhecido pelo o código AE86.

As dimensões gerais são próximas das do GT86, mas a altura foi reduzida em 10 mm (para 1310 mm) e foram adicionados 5 mm à distância entre eixos (2575 mm). O bem-sucedido rebaixamento do centro de gravidade (em 1,6 mm) é fundamental para a dinâmica e para a experiência de condução – melhorada graças a um abaixamento de 5 mm do ponto da anca do condutor.

Os novos faróis LED em forma de parábola têm uma disposição interna em forma de L como os do GR Supra, enquanto a grelha apresenta um padrão de rede com um “G”, exclusivo dos modelos GR. O para-choques dianteiro tem uma nova moldagem texturizada que é tanto funcional como desportiva, ajudando a melhorar a aerodinâmica; também apresenta condutas de ar profundas em cada lado, que ajudam à manobrabilidade. Juntos, a grelha e as condutas frontais baixas formam a “grelha de matriz funcional” que é uma característica de design típica dos modelos GR da Toyota.

De perfil, as poderosas asas dianteiras e os frisos profundos formam contornos laterais, enquanto a parte inferior da carroçaria alinhada horizontalmente, atravessando a parte superior das portas e através da linha da porta, projeta um forte movimento da frente para a traseira. As asas traseiras são igualmente poderosas na aparência, enquanto o habitáculo traseiro afunilado realça a postura ampla do carro e o baixo centro de gravidade. Os grupos óticos traseiros têm uma forma tridimensional marcante e misturam-se com a decoração que atravessa toda a largura do carro; a matrícula foi movida para o para-choques, outro detalhe que permite um centro de gravidade mais baixo. As cavas das rodas traseiras são mais puxadas para dentro, enfatizando a largura do carro.

Foi introduzida uma série de características aerodinâmicas, incluindo uma entrada de ar frontal e saídas de ar totalmente funcionais, criadas com recurso à experiência da TOYOTA GAZOO Racing nos desportos motorizados. Estas estão localizadas atrás das cavas das rodas dianteiras para gerir o fluxo de ar e reduzir a turbulência em torno dos pneus, aumentando a estabilidade da direção. A estrutura do para-choques frontal foi concebida para uma eficiência de arrefecimento superior e a área de superfície da abertura da grelha frontal foi otimizada, com a adição de defletores de vento em cada lado. O piso por baixo do para-choques inferior dianteiro foi inclinado a 45 graus e concebido com um rebordo aperfeiçoado para contribuir para um desempenho estável.

Os novos espelhos das portas com acabamento em preto têm um design ligeiramente curvo e os suportes dos espelhos são também ligeiramente curvos, para evitar que o fluxo de ar seja bloqueado. Os frisos profundos têm uma forma de barbatana para otimizar o fluxo de ar ao longo da lateral do veículo; isto orienta o ar para cima em direção à traseira, de modo a que haja menos perturbação quando o ar atinge as rodas traseiras.

As arestas adicionadas às cavas das rodas traseiras e as arestas aerodinâmicas no para-choques inferior traseiro ajudam a controlar o fluxo de ar para cima e para longe da carroçaria do carro, o que aumenta a estabilidade do carro. Nas versões superiores, é adicionado um spoiler em formato “ducktail” (“cauda de pato”) ao rebordo inferior da bagageira.

JANTES E PNEUS

O GR86 em Portugal está equipado com jantes em preto mate de 18 polegadas com pneus Michelin Pilot Sport 4. Os raios finos, em forma de lâmina, das jantes de 18 polegadas são inspirados no formato das espadas japonesas. O sistema de aviso da pressão dos pneus fornece leituras individuais da pressão para cada pneu no ecrã multi-informação e pode ser calibrado para dois conjuntos diferentes de pneus.

CORES DO EXTERIOR

As escolhas de cor exterior para o GR86 incluem três acabamentos específicos GR, inspirados na decoração de competição branca, vermelha e preta da TOYOTA GAZOO Racing: Branco Pérola Cristal, Preto Magnetite e uma nova tonalidade, Vermelho Ignition, com alta saturação de cor conseguida através de uma nova técnica de sobreposição de três camadas. Para além destas 3 cores estão disponíveis: Azul Nitro, Azul Saphire, Cinza Claro e Cinza MAgnetite

INTERIOR – HABITÁCULO E ESPAÇO DE CARGA

O objetivo do design interior do GR86 era proporcionar a melhor disposição possível para a ergonomia e funcionamento dos sistemas do automóvel, com um painel de instrumentos digital configurado horizontalmente que dá ao condutor um amplo campo de visão e o ajuda a concentrar-se na condução. Em todo o interior, há um sentido de harmonia no design.

Em torno do condutor, os controlos de funções são concebidos e posicionados para reconhecimento e operação intuitiva, incluindo um painel de ar condicionado na consola central com grandes mostradores iluminados com luzes LED e botões tipo tecla de piano e apoios de braços das portas com puxadores integrados longos. A funcionalidade do apoio de braço central foi melhorada com um suporte para copos/garrafas pequenas, duas portas USB e uma tomada AUX. O suporte para copos tem uma nova tampa de abertura dividida, que pode ser usada como um apoio de braço quando fechada. O ecrã multimédia de oito polegadas é inclinado para fácil visualização a partir do lugar do condutor.

Os bancos desportivos dianteiros, com um novo formato, apresentam almofadas de apoio que são independentes umas das outras, garantindo um design elegantee um bom apoio ergonómico. Uma patilha no ombro do banco da frente facilita o acesso aos bancos traseiros. A nova estrutura do banco pesa menos 3 kg do que no GT86, um contributo significativo para o objetivo da redução do peso do veículo. O lado esquerdo do ecrã apresenta os dados multi-informação, informações áudio e sobre a pressão dos pneus e as definições das funções de assistência ao condutor.

Todos as versões em Portugal apresentam uma combinação de Ultrasuede™, que proporciona um bom desempenho ergonómico, e pele genuína.

Alterações de detalhes no habitáculo incluem saídas de ar com um formato novo para um melhor controlo da direção e propagação do fluxo de ar. Também foram efetuados alguns retoques práticos, como um aumento de 25% no tamanho do porta-luvas e a adição de um suporte para garrafas no painel da porta. Foram ainda instaladas luzes superiores frontais e luzes de presença na borda inferior das portas.

Os dois bancos traseiros podem ser rebatidos através das patilhas de libertação no habitáculo, ou uma correia de libertação na bagageira. Quando os bancos estão rebatidos, há espaço de carga suficiente para quatro rodas, ideal para quem conduz o seu GR86 até à pista e de volta.

A porta da bagageira foi concebida para abrir (até um ponto mais alto) e fechar facilmente e a uma velocidade constante, para que os objetos possam ser carregados ou descarregados mais facilmente. A luz do interior da bagageira é mais brilhante e foi deslocada para o centro, para que seja mais fácil verificar os objetos e a bagagem durante a noite.

MULTIMÉDIA E INFORMAÇÃO

  • Sistema multimédia mais rápido e mais potente, com ecrã de oito polegadas
  • Ligação a Smartphone via Apple CarPlay® e Android Auto®
  • O painel de instrumentos do condutor adapta-se de acordo com o modo de condução selecionado, incluindo uma apresentação ao estilo de um carro de corrida para o modo Pista quando conduz em circuito

O estatuto especial de carro desportivo do GR86 está presente em detalhes como a marca GR nas animações de arranque do ecrã tátil central de oito polegadas e do ecrã multi-informação de sete polegadas do condutor.

A CPU do sistema multimédia tem mais poder computacional, proporcionando uma resposta mais rápida. As funcionalidades disponíveis de série incluem receção DAB, Bluetooth e integração com smartphone via Apple CarPlay® ou Android Auto®. Também estão disponíveis portas USB e uma tomada AUX para ligação e recarga de dispositivos. Equipado com um novo Módulo de Comunicação de Dados, o GR86 fornece uma função eCall em caso de acidente ou emergência.

O ecrã central também proporciona uma visão em tempo real a partir da câmara de marcha-atrás do carro, com orientações de direção.

O painel de instrumentos do condutor apresenta um ecrã multi-informação à esquerda do velocímetro com a velocidade apresentada ao centro. O conteúdo exibido no ecrã pode ser selecionado, redefinido e percorrido utilizando os comandos do volante. No modo Desportivo, o painel de instrumentos apresenta realces a vermelho.

Quando o condutor muda para o modo Track (Pista), aparece um ecrã diferente, concebido com a ajuda dos pilotos profissionais da TOYOTA GAZOO Racing. O painel mostra uma barra central de visualização das rotações por minuto do motor, a mudança selecionada, a velocidade e as temperaturas do óleo e da água, permitindo ao condutor verificar instantaneamente o estado do carro e efetuar trocas de mudanças com um timing mais preciso.

O ecrã tem uma animação de arranque que constrói o logótipo GR antes de apresentar os instrumentos, acrescentando um prólogo desportivo a cada viagem.

SEGURANÇA

  • Estrutura da carroçaria reforçada para um melhor desempenho em caso de impacto
  • Sete airbags SRS fornecidos de série
  • Conjunto de sistemas de segurança e assistência ao condutor disponível para um elevado nível de apoio ao condutor

SEGURANÇA PASSIVA

A estrutura da carroçaria do GR86 tem elementos absorventes de impacto para absorver e canalizar energias em caso de impacto. Na frente, foi adotada uma estrutura de caixa de colisão em frente ao pilar A e os componentes de suporte de reação, caixa de binário, pilar superior frontal e painel basculante, foram reforçados, proporcionando um melhor desempenho em colisões frontais.

A proteção contra impactos laterais inclui a utilização de materiais de alta resistência à volta do habitáculo: uma estrutura de aro e viga de porta em aço estampado a quente, além de uma nova estrutura de chassis interior com ligações reforçadas.

Sete airbags são fornecidos de série no habitáculo: airbags laterais dianteiros e de cortina, mais um airbag para os joelhos do condutor.

SEGURANÇA E ASSISTÊNCIA AO CONDUTOR

O novo GR86 está disponível com um conjunto de sistemas de segurança e assistência ao condutor concebido para reagir e funcionar como um ser humano: olhar, pensar e agir.

Uma câmara frontal monitoriza constantemente a estrada à frente, reconhecendo veículos, peões e marcações de estrada. Tem um amplo ângulo de visão e um longo alcance de visibilidade. Consegue também reconhecer as luzes de travagem de outros veículos, controlando a distância entre o GR86 e os veículos à frente.

Esta informação é avaliada pelo software, o cérebro do sistema, que depois determina que ação deve ser tomada, controlando o veículo em conformidade.

O conjunto de sistemas de segurança e assistência ao condutor proporciona um elevado nível de apoio ao condutor, proporcionando uma gama de travagens de atenuação de danos de colisão, aviso de saída da faixa de rodagem, Cruise Control adaptativoe luzes de máximos automáticas.

As funções incluem:

  • Sistema de Pré-Colisão com Assistência à Travagem
  • Aviso de Saída da Faixa de Rodagem
  • Cruise Control adaptativo
  • Luzes de Máximos Automáticas
  • Alerta de Arranque do Veículo da Frente
  • Travagem Automática em Marcha-atrás
  • Deteção de Ângulo Morto
  • Deteção Traseira de Aproximação de Veículos com Assistência à Travagem

TOYOTA GAZOO RACING

O desenvolvimento realizado pela Toyota dos seus modelos globais GR, o coupé GR Supra de dois lugares, o GR Yaris inspirado no mundial de ralis e agora o GR86, cumpre a sua missão de utilizar a experiência e os conhecimentos adquiridos nos desportos motorizados para fazer automóveis cada vez melhores para a estrada e para proporcionar às pessoas oportunidades para desfrutar do puro prazer da condução.

O sucesso da TOYOTA GAZOO Motorsport na competição mundial proporciona uma forte plataforma sobre a qual cresce o entusiasmo pela Toyota entre os fãs de todo o mundo e são desenvolvidas novas tecnologias e técnicas que podem ser transferidas das corridas e ralis para o automobilismo quotidiano.

A TOYOTA GAZOO Racing alcançou a “tripla coroa” em todas as principais competições nas quais entrou, sendo campeã atual de construtores e pilotos no Campeonato Mundial de Resistência da FIA (WEC) na classe Hypercar; campeã de construtores, pilotos e co-pilotos no Campeonato Mundial de Ralis da FIA (WRC); bem como atual campeã do Rali Dakar.

A TOYOTA GAZOO Racing conquistou quatro títulos de pilotos e construtores no Campeonato Mundial de Resistência da FIA desde que entrou na competição em 2012 e registou quatro vitórias consecutivas na corrida de 24 Horas de Le Mans até 2021. A TOYOTA GAZOO World Rally Team trouxe a Toyota de volta ao Campeonato Mundial de Ralis em 2017, e desde então alcançou três títulos de pilotos e dois de construtores com o Yaris WRC. A TOYOTA GAZOO Racing também compete regularmente ao mais alto nível no Rali Dakar, sendo que a sua equipa sul-africana saiu vitoriosa em 2019 e 2022, com as Hilux especialmente preparadas para a prova.