1. Discover Toyota
  2. Noticias Toyota
  3. TOYOTA GAZOO Racing vence Rali de Portugal, Rovanperä brilha

TOYOTA GAZOO Racing vence Rali de Portugal, Rovanperä brilha

14 de maio 2023 – Kalle Rovanperä está de novo no topo da classificação do Campeonato Mundial de Ralis da FIA depois de uma vitória contundente no Rali de Portugal, pelo segundo ano consecutivo. Esta vitória é a primeira da época para os atuais campeões mundiais Kalle Rovanperä e Jonne Halttunen e coloca a dupla em GR Yaris Rally1 Hybrid na liderança do campeonato de pilotos com 17 pontos de avanço. A dupla finlandesa venceu ainda a Power Stage final de Fafe – arrecadando a pontuação máxima alcançada também em Portugal há um ano. É também a quarta vez consecutiva que a TOYOTA GAZOO Racing (TGR) WRT vence em Portugal, e a quarta vitória da equipa nas cinco provas realizadas em 2023.

RESUMO DA PROVA:

Sexta-feira, dia 12 de maio foi um dia muito exigente, para pilotos e máquinas. Foram 8 etapas entre Lousã e a Figueira da Foz sem qualquer serviço. Os 2 GR Yaris Rally1 de Elfyn Evans e Kalle Rovanperä eram primeiros e segundos na estrada com as dificuldades que isso trazia em termos de andamento. O jovem Rovanperä mostrou logo ao que vinha, ao vencer a terceira especial do dia e terminou a manhã em segundo da geral a apenas 3 segundos da frente. Conseguiu assumir a liderança com uma vitória em SS5, fez outro tempo mais rápido em SS6 e chegou a 0,4 segundos do mais rápido em SS7, aumentando a sua vantagem para dois dígitos. Depois da nova super-especial da Figueira da Foz Rovanperä terminou o primeiro dia com uma vantagem de 10,8s.

Takamoto Katsuta ao volante do terceiro Toyota, teve um início de dia positivo ficando empatado com Rovanperä pela quarta posição após duas especiais. Infelizmente não conseguiu arrancar em SS3 devido a um problema relacionado com o alternador, que foi resolvido e permitiu recomeçar na manhã seguinte.

Para Elfyn Evans, um bom tempo em SS3 colocou-o, ao final da manhã, em quinto lugar da geral e a 20s da liderança, mas a prova à tarde seria mais difícil, com uma saída de estrada em SS7; Tanto Evans como o co-piloto Scott Martin ficaram bem, no entanto, a prova deles acabou logo nesse dia.

No sábado, Rovanperä entrou no dia mais longo do rali com uma vantagem de 10,8 segundos e mais do que dobrou a vantagem na primeira especial do dia, sendo o mais rápido por 12,8s na icónica especial de de Vieira do Minho. Foi mais cauteloso em Amarante– a etapa mais longa da época até agora com 37,24 quilómetros – e mesmo assim aumentou a vantagem para 45,8s. Que se tornou em 52,4s ao final da manhã, e voltando a ser o mais rápido em Felgueiras. À tarde, esteve muito perto de repetir o feito de vencer três etapas de montanha, falhando por apenas 0,7s numa dura segunda passagem por Amarante. Depois da super-especial de Lousada que fechou o dia, a vantagem do finlandês era já de 57,5s.

Takamoto Katsuta conseguiu voltar mas abriu a estrada durante a maior parte do dia, apesar disso, conseguiu o segundo melhor tempo em Lousada.

Domingo, foi o último e decisivo dia do rali, e Rovanperä não se limitou a gerir até ao fim, conseguiu a nona vitória em etapas do fim de semana na primeira passagem pela famosa especial de Fafe, que este ano voltou a ter grande afluência de público. Na power-stage final, novamente em Fafe, estabeleceu o tempo mais rápido em 0,717s, selando o triunfo no Rally de Portugal 2023 com uma vantagem de 54,7 segundos.

Takamoto Katsuta e o co-piloto Aaron Johnston estabeleceram o quarto tempo mais rápido na Power Stage final, somando pontos adicionais para o campeonato de fabricantes, que a TGR continua a liderar.

CLASSIFICAÇÃO FINAL DO RALI DE PORTUGAL 2023 (Informação de domingo 15:00 www.WRC.com)

1 Kalle Rovanperä/Jonne Halttunen (Toyota GR YARIS Rally1 HYBRID) 3h35m11.7s

2 Dani Sordo/Cándido Carrera (Hyundai i20 N Rally1 HYBRID) +54.7s

3 Esapekka Lappi/Janne Ferm (Hyundai i20 N Rally1 HYBRID) +1m20.3s

4 Ott Tänak/Martin Järveoja (Ford Puma Rally1 HYBRID) +2m04.1s

5 Thierry Neuville/Martijn Wydaeghe (Hyundai i20 N Rally1 HYBRID) +8m22.5s

6 Gus Greensmith/Jonas Andersson (Škoda Fabia RS Rally2) +9m43.4s

7 Oliver Solberg/Elliott Edmondson (Škoda Fabia RS Rally2) +9m44.6s

8 Andreas Mikkelsen/Torstein Eriksen (Škoda Fabia RS Rally2) +10m26.4s

9 Yohan Rossel/Arnaud Dunand (Citroën C3 Rally2) +11m33.2s

10 Teemu Suninen/Mikko Markkula (Hyundai i20 Rally2) +12m16.3s

 

33 Takamoto Katsuta/Aaron Johnston (Toyota GR YARIS Rally1 HYBRID) +1h01m54.8s

Elfyn Evans/Scott Martin (Toyota GR YARIS Rally1 HYBRID) não terminaram.