TOYOTA GAZOO Racing conquista pontos cruciais

no desafiante Rali da Turquia

O Rali da Turquia é reconhecido como uma das provas mais duras do calendário. Este ano não foi exceção e provou ser especialmente desafiante para a TOYOTA GAZOO Racing. Jari-Matti Latvala e Kris Meeke garantiram pontos cruciais para o campeonato de fabricantes, ao terminar a prova em sexto e sétimo, respetivamente.

Ott Tänak foi obrigado a desistir no sábado, devido a um problema técnico, no entanto, no domingo regressou à prova e conquistou a vitória na derradeira Power Stage, mantendo a liderança no campeonato de pilotos, com 17 pontos de avanço, numa altura em que faltam três provas para o final da época.

O rali da Turquia teve início na quinta-feira, dia 12 de setembro, com a super especial citadina de Marmaris, onde Kris Meeke foi o melhor piloto da Toyota, obtendo o quinto melhor tempo e Ott Tänak e Jari-Matti Latvala, em sétimo e nono, respetivamente.

Na sexta-feira, o dia mais longo da prova, com 159,14 quilómetros cronometrados, a dureza do rali turco fez-se sentir, com um piso degradado, muitas pedras e pouca aderência devido à chuva. Os três pilotos aos comandos do Yaris WRC lutaram pelos lugares cimeiros. De manhã, Jari-Matti Latvala até venceu duas das três especiais, mas à tarde tudo se tornou mais difícil.

Kris Meeke começou a tarde a vencer o primeiro troço, mas depois de um toque, terminou o dia em sétimo, a 1m32.1s do primeiro classificado. Ott Tänak teve um furo e terminou o dia em oitavo e Jari-Matti Latvala, que teve também um furo, fechou o dia em nono.

As seis especiais de sábado, a oeste de Marmaris, ao longo da Península de Datça, continuaram a ser desafiantes. Os três Yaris WRC conquistaram um lugar na especial de abertura de manhã, subindo para sexto, sétimos e oitavo lugares, mas Ott Tänak não conseguiu iniciar a segunda especial e teve que desistir. Depois de trazer o carro de volta à área de serviço, a equipa confirmou que se tratou de uma falha na unidade de controlo eletrónico (ECU). Latvala e Meeke trocaram de posição várias vezes durante o dia, tentando manter a pressão sobre os pilotos da frente.

No domingo, Ott Tänak regressou com o objetivo de arrecadar o máximo de pontos bónus (cinco) disponíveis para o vencedor da Power Stage. O piloto Estónio arriscou tudo ao arrancar sem pneu suplente, para manter o peso no mínimo. Apesar de ter que abrir a estrada, Tänak alcançou o melhor tempo, vencendo com 2,6 segundos de avanço. Para Latvala e Meeke, o último dia foi principalmente de consolidação da sexta e sétima posição. Com este resultado, a TOYOTA GAZOO Racing sai do rali turco a apenas 19 pontos do líder no campeonato de fabricantes.

Classificação final, no rali da Turquia

1 Sébastien Ogier/Julien Ingrassia (Citroën C3 WRC) 3h50m12.1s
2 Esapekka Lappi/Janne Ferm (Citroën C3 WRC) +34.7s
3 Andreas Mikkelsen/Anders Jaeger-Amland (Hyundai i20 Coupe WRC) +1m04.5s
4 Teemu Suninen/Jarmo Lehtinen (Ford Fiesta WRC) +1m35.1s
5 Dani Sordo/Carlos del Barrio (Hyundai i20 Coupe WRC) +2m25.9s
6 Jari-Matti Latvala/Miikka Anttila (Toyota Yaris WRC) +2m59.1s
7 Kris Meeke/Seb Marshall (Toyota Yaris WRC) +3m53.3s

8 Thierry Neuville/Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupe WRC) +5m34.8s
9 Pontus Tidemand/Ola Fløene (Ford Fiesta WRC) +7m22.9s
10 Gus Greensmith/Elliott Edmondson (Ford Fiesta R5 MkII) +15m18.7s

16 Ott Tänak/Martin Järveoja (Toyota Yaris WRC) +39m10.2s

Para aceder ao Dossier de Imprensa e imagens do Evento:
URL https://www.tgr-dam.com
*Para aceder ao novo sítio de imprensa, terá que se registar.

Toyota-explica-de-forma-simples-a-tecnologia-hibrida

Saiba mais sobre...

Toyota Hilux de Nasser Al-Attiyah arranca para o Dakar 2021 em primeiro lugar Toyota Hilux de Nasser Al-Attiyah arranca para o Dakar 2021 em primeiro lugar Nasser Al-Attiyah e Mathieu Baumel, aos comandos da Toyota Hilux, partiram para a 43ª edição do rali Dakar em 1º. A dupla da TOYOTA GAZOO Racing foi a mais rápida no Prólogo de 11 km no dia 2 de janeiro em Jeddah na Arábia Saudita e dia 3 de janeiro arrancou para o início do Dakar 2021 na frente. Toyota apresenta e-Palette com sistema de gestão de operações de mobilidade autónoma Toyota apresenta e-Palette com sistema de gestão de operações de mobilidade autónoma Toyota e-Palette é o primeiro veículo da Toyota desenvolvido especificamente para aplicações de mobilidade autónoma como um serviço ("Autono-MaaS”). Utilização prática planeada para Woven City no Japão, tendo como alvo o uso comercial em várias regiões nos primeiros anos da década de 20. Toyota entrega os primeiros GR Yaris em Portugal Toyota entrega os primeiros GR Yaris em Portugal Disponível em 3 cores e 3 níveis de equipamento: GR YARIS STANDARD, EXTREME PREMIUM e EXTREME RALLY e um preço desde 42.090 Euros, o novo desportivo da Toyota começou a ser entregue no final de dezembro aos clientes que efetuaram a reserva através do portal exclusivo online Toyota eleita Marca Automóvel Cinco Estrelas em 2021 pelo segundo ano consecutivo Toyota eleita Marca Automóvel Cinco Estrelas em 2021 pelo segundo ano consecutivo Toyota eleita marca automóvel Cinco Estrelas em 2021. Este é mais um reconhecimento do esforço da marca na satisfação do cliente. Tendo sido premiado pelo 2º ano consecutivo, na categoria automóvel, a Toyota atingiu a liderança, com o valor expressivo de 82,20% de satisfação.