TOYOTA GAZOO Racing

pronta para o WRC

Após 17 anos, a TOYOTA GAZZO Racing completou os testes antes do regresso ao Campeonato Mundial de Rali da FIA (WRC), mostrando-se pronta para o lendário Rally de Monte-Carlo, que decorre de 19 a 22 de janeiro.

Após uma pausa de 17 anos, a TOYOTA GAZZO Racing completou o programa de testes antes do regresso ao Campeonato Mundial de Rali da FIA (WRC) mostrando-se pronta para o lendário Rally de Monte-Carlo. A prova decorre de 19 a 22 de janeiro em estradas de montanha, com condições que podem variar entre asfalto seco, gelo e neve.

Liderado por Tommi Mäkinen - quatro vezes campeão mundial de rali e quádruplo vencedor do Rally de Monte-Carlo – acompanhado pelo piloto Jari-Matti Latvala (# 10), um dos pilotos de rali mais rápidos do mundo e Juho Hänninen (# 11), com uma vasta experiência de ralis. A equipa mundial de ralis - TOYOTA GAZOO Racing tem todos os ingredientes necessários para ser bem sucedida no Rally de Monte-Carlo.

Tendo alcançado no passado um sucesso considerável no Campeonato Mundial de Rali, o recente projeto Yaris WRC representa um novo capítulo na longa história de competições da marca. A equipa mundial de ralis TOYOTA GAZOO Racing Team mantém as suas expectativas altas para 2017, pois tem como finalidade o melhoramento do carro e a aprendizagem sobre os resultados alcançados.

O lendário Rally de Monte-Carlo é o mais antigo do mundo e já vai na sua 85ª edição, marcando o início de uma nova fase para o WRC com regulamentos técnicos revistos, resultando numa competição de carros mais rápidos, mais leves e acima de tudo proporcionando uma competição mais grandiosa e impressionante.

O Rally Monte Carlo não é o maior evento do calendário de ralis, mas provavelmente é o mais complicado, com pouco menos de 380 Kms cronometrados. O tempo variável e as superfícies do terreno significam que a escolha de pneus e a configuração do carro são fundamentais, assim como todas as informações de última hora que as equipas registem, sobre o piso e as condições climatéricas, sendo cruciais para o bom desempenho do carro em corrida.

Após o tradicional início com a cerimónia na Praça do Casino de Mónaco, às 18H da próxima quinta feira, 19 de janeiro, o rali inicia com duas etapas noturnas na região dos Alpes-de-Haute-Provence. Na sexta-feira, terá lugar a etapa mais longa do rali, com mais de 160 Kms. Após concluída esta etapa, no sábado o percurso prossegue para o sul, desde Gap para Mônaco, através de cinco etapas de montanha. A etapa de domingo inclui duas passagens sob a sinuosa estrada de montanha em Col de Turini.

A cerimónia de entrega de prémios desenrola-se no Palácio dos Príncipes de Mónaco às 15:00.

Mensagem do Presidente da Equipa Akio Toyoda

Toyota está prestes a voltar para o WRC.

“Na conferência de imprensa da nossa equipa, no final do ano passado, expliquei que foi o apoio e o entusiasmo dos nossos fãs e o sentimento de gratidão aos nossos antecessores, que me levou a decidir voltar ao WRC.

Antes dessa conferência, decidimos que Jari-Matti Latvala seria o nosso outro piloto do Yaris WRC.

Conheci Jari-Matti inesperadamente no Rali da Finlândia, em 2014, e tive a oportunidade de falar com ele. Na época, ele era um dos pilotos da Volkswagen.

Nesta conversa, ele mostrou-me fotos no seu smartphone, do primeiro carro de rali que ele tinha conduzido no seu primeiro rali, um Corolla GT e o primeiro carro que conduziu no seu primeiro WRC, um Corolla WRC. Demonstrou-me o seu entusiasmo pela Toyota, penso que ele falou comigo não como o presidente da Toyota mas como um amigo e apaixonado da Toyota e de ralis.

Naquela época, não imaginaria que a Toyota voltaria a competir no WRC ou que Jari-Matti se iria juntar à nossa equipa para conduzir o Yaris WRC. Quando foi comunicado que tínhamos assinado um contrato com ele, lembrei-me da sua expressão quando me mostrou as fotos. Quando veio da pista de teste para participar na conferência de imprensa da equipa em dezembro passado, Jari-Matti falou sobre a construção de "carros de rali cada vez melhores" referindo as nossas palavras.

Na verdade, ele continuou a trabalhar durante o processo de testes para aperfeiçoar e melhorar o carro e como torná-lo um concorrente mais capaz.

O meu desejo de competir na primeira corrida do WRC, o Rally Monte-Carlo, cresceu agora que a equipa dá as boas-vindas ao piloto Jari-Matti, e mal posso esperar pelo início do rali. Juho Hänninen conhece o Yaris WRC melhor do que qualquer outro, e trabalhou para o aperfeiçoar desde o seu desenvolvimento. Jari-Matti Latvala começou a sua carreira a conduzir viaturas da marca Toyota e tem uma vasta experiência de condução no WRC. Os co-pilotos Miikka Anttila e Kaj Lindström também fazem parte da equipa, ao pilotar o Yaris WRC, criado pela equipa de Tommi Mäkinen.

Está a iniciar-se uma nova fase para produzir carros cada vez melhores com a ajuda de muitos colegas, incluindo funcionários da Toyota, parceiros e fãs que nos ajudam a alcançar a nossa visão. Não gostamos de perder e não planeamos perder, sendo este um rali que não é fácil ser conquistado.

Estou confiante que a energia positiva de todos os que intervém neste desafio e dos nossos fãs chegará à equipa, ao carro e aos pilotos, e aguardo com expetativa a entrada da Toyota novamente no WRC.”

Akio Toyoda
Presidente da Toyota Motor Corporation
Presidente da equipa, TOYOTA GAZOO Racing

TOYOTA GAZOO Racing pronta para o WRC

Saiba mais sobre...

TOYOTA GAZOO Racing segundo no Rali de Monte-Carlo TOYOTA GAZOO Racing segundo no Rali de Monte-Carlo Em estreia da TOYOTA GAZOO Racing, Jari-Matti Latvala aos comandos do Toyota Yaris WRC, alcança o segundo lugar da geral no Rali de Monte-Carlo 2017. TOYOTA GAZOO Racing apresenta Pilotos e Yaris WRC 2017 TOYOTA GAZOO Racing apresenta Pilotos e Yaris WRC 2017 TOYOTA GAZOO Racing apresenta Yaris WRC e Pilotos para o Campeonato Mundial de Ralis 2017. Os Piloto confirmados são: Jari-Matti Latvala e Juho Hanninen. Toyota e Denso desenvolvem componentes para carros autónomos Toyota e Denso desenvolvem componentes para carros autónomos Parceria procura acelerar investigação e desenvolvimento para a mobilidade do futuro, que a Toyota designa como veículos CASE (Connected, Automated, Shared, Electrified) Conectados, Autónomos, Partilhados e Eletrificados. Toyota inicia testes de condução autónoma na via pública em Bruxelas Toyota inicia testes de condução autónoma na via pública em Bruxelas Veículo autónomo, com condutor de segurança, irá circular no centro da cidade de Bruxelas. Objetivo da Toyota é estudar o impacto da diversidade do comportamento humano em sistemas de condução autónoma.
Configurações de Cookies

A Toyota usa cookies no site para lhe poder fornecer um serviço mais completo e funcional. Se está satisfeito com atuação, continue a usar o site normalmente ou descubra como alterar as suas configurações de cookies aqui.

OK