Toyota apoia a investigação

de espécies de plantas ameaçadas em todo o mundo

A nova Divisão do Royal Botanic Gardens é apoiada pelo financiamento da Toyota, através da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN).

A nova Divisão de Avaliação de Plantas do Royal Botanic Gardens, situada em Kew (Reino Unido), assegura o financiamento da Toyota através da União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN).

A Toyota apoia a investigação das espécies de plantas mais ameaçadas do mundo, numa nova Unidade de Investigação que acaba de iniciar a sua atividade no Royal Botanic Gardens (RBG), situado em Kew, no Reino Unido.

Com o trabalho pioneiro da equipa da Unidade de Investigação de Kew (PAU) espera-se acelerar a identificação de plantas em risco de extinção. Assim como identificar os fatores que as colocam em risco, como as espécies invasoras, incluindo pragas e doenças emergentes, perda de habitat e alterações climáticas. Este trabalho, com base em recursos e conhecimento líderes a nível mundial do Royal Botanic Gardens, vai ajudar a orientar as atividades de conservação e reduzir a taxa de perda de biodiversidade a nível mundial.

O projeto beneficia do financiamento da Toyota, que está a ser canalizado para Kew, através da Toyota Motor Corporation, com uma parceria de cinco anos com a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) para desenvolver o apoio da Lista Vermelha de Especies AmeaçadasTM.

A intenção é alcançar um aumento significativo no conhecimento sobre o risco de extinção enfrentado por mais de 28.000 espécies, incluindo muitas que são fontes de alimento para um grande número de pessoas a nível mundial.

Esta parceria tem como objetivo chave cumprir com a primeira fase do Desafio Ambiental Toyota para 2050. Um compromisso que a Toyota assumiu a nível mundial e a longo prazo, que assenta na redução significativa do impacto ambiental das viaturas Toyota e das suas fábricas, tendo como objetivo melhorar o mundo, ajudando a construir uma sociedade futura que viva em harmonia com a natureza.

O diretor de Ciências do RBG em Kew, Professor Kathy Willis, disse: "É muito importante ter este tipo de suporte para nos permitir uma estrutura necessária de recursos para cumprir com o nosso trabalho e, assim, acelerar o ritmo da identificação das espécies de plantas ameaçadas.

É muito alarmante o quão rápido estamos a perder a biodiversidade do nosso planeta e, sem um investimento como este, o risco será ainda maior, por isso estamos muito gratos à Toyota e à IUCN pela atenção que a avaliação de risco de extinção das espécies esta a receber ".

O Diretor dos Assuntos Ambientais e de Cidadania da Toyota Motor Europe, Steve Hope, disse: "A Toyota reconhece a importância vital de proteger o mundo natural e tem o prazer de apoiar o trabalho que está a ser feito pela equipa do RBG em Kew , não só na identificação de espécies ameaçadas, mas também nos fatores que as coloca em risco. Através do Desafio Ambiental da Toyota para 2050 não estamos apenas a reduzir o nosso impacto no meio ambiente, mas sim a trabalhar ativamente em benefícios positivos para o mundo natural ".

Desafio Ambiental Toyota 2050

Para mais detalhes sobre o Desafio Ambiental Toyota 2050 clique neste link:
Toyota estabelece metas na área ambiental

Desafio ambiental 2050

Sobre o Royal Botanic Gardens, situado em Kew
O Royal Botanic Gardens, Kew é uma organização científica mundialmente famosa, respeitada internacionalmente pelas suas coleções, bem como a sua experiência científica em diversidade de plantas, conservação e desenvolvimento sustentável no Reino Unido e em todo o mundo. A Kew Gardens é uma grande atração internacional para os visitantes de Londres e de todo o mundo.

A cidade de Kew recebe do Governo do Reino Unido cerca de metade do seu financiamento através do Departamento do Ambiente, Alimentação e Assuntos Rurais (Defra). Outras fontes de financiamento são necessárias para apoiar o trabalho de Kew e são provenientes de doadores, filiados e actividade comercial, incluindo a venda de entradas no local.

Sobre a IUCN
A IUCN é uma união de membros composta pelas organizações governamentais e ONG´s. Aproveita a experiência, recursos e alcance dos seus mais de 1.300 membros e organizações e o conhecimento de mais de 16.000 especialistas. A IUCN é a autoridade mundial sobre o estado do mundo natural e as medidas necessárias para o proteger.
Para mais informações - https://www.iucn.org https://twitter.com/IUCN/

/

Saiba mais sobre...

Toyota e JAXA iniciam projeto de veículo elétrico lunar Toyota e JAXA iniciam projeto de veículo elétrico lunar A Toyota Motor Corporation e a Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (JAXA) assinaram um acordo de pesquisa conjunta para três anos. O projeto conjunto irá desenvolver um veículo elétrico lunar tripulado e pressurizado, que utiliza a tecnologia de pilha de combustível (hidrogénio). Toyota e Denso desenvolvem componentes para carros autónomos Toyota e Denso desenvolvem componentes para carros autónomos Parceria procura acelerar investigação e desenvolvimento para a mobilidade do futuro, que a Toyota designa como veículos CASE (Connected, Automated, Shared, Electrified) Conectados, Autónomos, Partilhados e Eletrificados. Toyota inicia testes de condução autónoma na via pública em Bruxelas Toyota inicia testes de condução autónoma na via pública em Bruxelas Veículo autónomo, com condutor de segurança, irá circular no centro da cidade de Bruxelas. Objetivo da Toyota é estudar o impacto da diversidade do comportamento humano em sistemas de condução autónoma. Toyota na Europa com mais de 50% de híbridos no 1º semestre Toyota na Europa com mais de 50% de híbridos no 1º semestre Toyota Motor Europe vendeu 578.400 viaturas no 1º semestre de 2019. Aumento da quota para 5,3%. Mais 18% de híbridos face a 2018. Híbridos são mais de 50% das vendas da TME. Em Portugal de Janeiro a Junho 2019, o mix de híbridos Toyota e Lexus.
Configurações de Cookies

A Toyota usa cookies no site para lhe poder fornecer um serviço mais completo e funcional. Se está satisfeito com atuação, continue a usar o site normalmente ou descubra como alterar as suas configurações de cookies aqui.

OK