Novo Toyota Prius mais eficiente

Sistema híbrido incorpora o motor a gasolina mais eficiente do mundo

Quarta geração Prius alcança eficiência superior, com emissões de CO2 de 70g/km e consumo de combustível combinado de 3.0 l/100km

As sucessivas gerações do Toyota Prius trouxeram avanços significativos na redução de emissões e economia de combustível, mas a quarta geração do Prius atinge o mais elevado patamar de eficiência.

A superior performance ambiental propõe emissões de dióxido de carbono de apenas 70g/km, com uma economia de combustível combinado de 3,0l/100km (considerando jante de 15”).

Esta evolução é a mais significativa ao nível de performance, que o Prius registou desde 1997. Assente no compromisso da Toyota, em construir cada vez mais e melhores automóveis amigos do ambiente, a nova geração Prius conta com melhorias no comportamento dinâmico, resposta rápida às solicitações do condutor e uma condução mais envolvente.

Avanços ao nível da eficiência

A redução do consumo de combustível e emissões de CO2 sempre foram duas premissas fundamentais do conceito do Toyota Prius. Com esta nova geração, a Toyota inova ao redesenhar o sistema híbrido e design exterior para atingir novos níveis de eficiência, naquele que é um modelo icónico da marca.

O resultado são emissões de CO2 mais baixas, de 70g/km, com um consumo médio de combustível de 3,0l/100km, comparativamente a 89g/km e 3,9l/100km alcançado pelo Prius da geração anterior.

As alterações na tecnologia híbrida são fundamentais para atingir estes valores, incluindo o desenvolvimento do motor a gasolina de 1.8 litros VVT-i (Atkinson), que atinge uma eficiência térmica de 40%, a mais elevada eficiência térmica do mundo para um motor a gasolina. As alterações ao nível dos componentes reduziram o atrito e as perdas mecânicas, produzindo uma quantidade maior de energia a partir de cada gota de combustível.

Os principais componentes foram redesenhados ou revistos para reduzir peso e melhorar a eficiência, incluindo o eixo propulsor, o motor elétrico e a unidade de controlo de potência.

A nova bateria, ainda mais compacta, de Hidretos de Níquel Metálicos (Ni-MH), armazena mais energia, proporcionando melhor performance. Ao estar localizada sob o banco traseiro reduz o centro de gravidade e liberta espaço na bagageira

O novo design, agora ainda mais aerodinâmico contribui de forma importante para a superior eficiência do Novo Prius, com uma estática inconfundível, perfil elegante e rebaixado.

A Toyota conseguiu melhorar ainda mais o coeficiente aerodinâmico do modelo atual de 0,25Cd para 0,24Cd. As formas exteriores do Novo Prius foram concebidas para maximizar o espaço interior enquanto foi melhorado o fluxo de ar, reduzindo o consumo de combustível.

Melhor desempenho no mundo real

O novo Prius atinge os 100km/h em 10.6 segundos. Em estrada e ultrapassagens a aceleração entre 80km/h e os 120km/h é atingida em 8,3 segundo, sendo a velocidade máxima de 180km/h. A aceleração e performance do novo sistema híbrido é de 90kW / 122 cv DIN, sendo mais progressiva e silenciosa. A nova Unidade de Controlo de Potência permite que o sistema explore mais o motor elétrico, o que se traduz numa aceleração mais natural, com as rotações do motor a aumentar gradualmente à medida que o carro atinge mais velocidade.

A condução no quotidiano também melhora significativamente, uma vez que esta quarta geração do Prius é a primeira com capacidade de reboque de 725kg (sem travões).

Melhorias Dinâmicas

O objetivo de melhorar a eficiência tem sido acompanhado pelo compromisso da Toyota em alcançar um melhor desempenho dinâmico, fazendo esta geração do novo Prius a mais agradável de conduzir de sempre. A nova plataforma global - TNGA (Toyota New Global Architecture) foi adaptada (plataforma GA-C), especificamente para o novo Prius, permitindo reduzir significativamente o centro de gravidade (-2,5 cm) que é um elemento fundamental para garantir um melhor desempenho dinâmico.

O chassis mais leve foi reforçado para uma melhoria ao nível da rigidez de 60% em relação ao modelo atual. Esta superior rigidez torsional é possível através de novas técnicas de soldadura, e ampla utilização de aço com elevado limite elástico.

A nova suspensão traseira em duplo triângulo sobreposto contribui para uma melhor estabilidade, e maior conforto para os passageiros. A afinação das suspensões e chassis foi aprimorada para reduzir o adornar da carroçaria em curva e melhor estabilidade, com um excelente compromisso entre conforto e eficácia dinâmica.

Estas qualidades e atributos combinam com uma capacidade de resposta significativamente melhorada do acelerador, direção e sistema de travagem, aumentando o prazer de condução e desempenho dinâmico do Prius.

Novo Toyota Prius mais eficiente
Novo Toyota Prius mais eficiente

Saiba mais sobre...

Toyota e JAXA iniciam projeto de veículo elétrico lunar Toyota e JAXA iniciam projeto de veículo elétrico lunar A Toyota Motor Corporation e a Agência de Exploração Aeroespacial do Japão (JAXA) assinaram um acordo de pesquisa conjunta para três anos. O projeto conjunto irá desenvolver um veículo elétrico lunar tripulado e pressurizado, que utiliza a tecnologia de pilha de combustível (hidrogénio). Toyota e Denso desenvolvem componentes para carros autónomos Toyota e Denso desenvolvem componentes para carros autónomos Parceria procura acelerar investigação e desenvolvimento para a mobilidade do futuro, que a Toyota designa como veículos CASE (Connected, Automated, Shared, Electrified) Conectados, Autónomos, Partilhados e Eletrificados. Toyota inicia testes de condução autónoma na via pública em Bruxelas Toyota inicia testes de condução autónoma na via pública em Bruxelas Veículo autónomo, com condutor de segurança, irá circular no centro da cidade de Bruxelas. Objetivo da Toyota é estudar o impacto da diversidade do comportamento humano em sistemas de condução autónoma. Toyota na Europa com mais de 50% de híbridos no 1º semestre Toyota na Europa com mais de 50% de híbridos no 1º semestre Toyota Motor Europe vendeu 578.400 viaturas no 1º semestre de 2019. Aumento da quota para 5,3%. Mais 18% de híbridos face a 2018. Híbridos são mais de 50% das vendas da TME. Em Portugal de Janeiro a Junho 2019, o mix de híbridos Toyota e Lexus.
Configurações de Cookies

A Toyota usa cookies no site para lhe poder fornecer um serviço mais completo e funcional. Se está satisfeito com atuação, continue a usar o site normalmente ou descubra como alterar as suas configurações de cookies aqui.

OK