Localizar um Concessionário Marcar um Test-drive Configure o seu Toyota O Meu Toyota

Le Mans frustrante para Toyota GAZOO Racing

Demonstrando excelente fiabilidade, mas final dececionante

A Toyota GAZOO Racing esteve presente nas 24 Horas de Le Mans 2015, demonstrando excelente fiabilidade, mas terminando na dececionante 6ª e 8ª posição no circuito de la Sarthe.

17-06-2015

O TS040 Hybrid #2 de Alex Wurz, Stéphane Sarrazin e Mike Conway terminou no 6º lugar, com o outro TS040 com Anthony Davidson, Sébastien Buemi e Kazuki Nakajima ao volante em 8º.

A Toyota felicita Porsche por uma performance muito consistente, ao longo deste evento, conseguindo uma impressionante vitória do carro #19, que se bateu com os colegas de equipa do carro #17. Parabéns à Audi com o #7 que foi terceiro.

Tendo centrado este ano os objetivos para Le Mans, a Toyota GAZOO Racing deixa o circuito de La Sarthe frustrada, mas com a determinação de melhorar em todas as áreas, depois de obter um resultado que estava muito longe das expectativas da equipa na pré-temporada.

Os dois TS040 Hybrid correram de forma consistente e fiável, mas ficou aquém do ritmo de suas rivais. A melhoria de 1 segundo na volta mais rápida em corrida, em comparação a 2014, não foi suficiente para desafiar a concorrência o que levou a uma corrida isolada de ambos os Toyota.

Le Mans frustrante para Toyota GAZOO Racing
Le Mans frustrante para Toyota GAZOO Racing

Apenas um incidente com significado relativo afetou a equipa, quando à 5ª hora, Anthony Davidson colidiu com um carro GT, danificando o canto da frente direito. Esta situação causou problemas na dinâmica do TS040 resultando num toque logo depois.

O trabalho rápido da equipa na paragem nas boxes garanti-o a substituição da parte da carroçaria dianteira e traseira, além de novos elementos da suspensão traseira esquerda, com o carro #1 a perder 13 minutos e regressando à corrida 5 voltas atrás do líder.

A nossa política de privacidade

Utilizamos cookies no nosso site para lhe prestarmos um melhor serviço.  Se concorda, continue a usar o site, ou então veja como gerir as cookies.