Localizar um Concessionário Marcar um Test-drive Configure o seu Toyota O Meu Toyota

Toyota atinge 9 milhões de veículos produzidos na Europa

Com o aparecimento da primeira fábrica Toyota em Portugal

Com a primeira fábrica Toyota na Europa, construída em Portugal, mais precisamente na zona de Ovar, a produção acumulada do construtor japonês na europa atingiu 9 milhões unidades.

27-10-2014

Muitos condutores Europeus que se encontram ao volante do seu Toyota, podem não estar cientes de um facto, há uma elevada probabilidade de que o seu Toyota tenha sido construído na Europa. Na verdade, hoje, 2 em cada 3 veículos vendidos neste continente são construídos por funcionários da Toyota numa das 6 fábricas de automóveis e das 3 unidades de produção de motores localizadas em Portugal, Reino Unido, Turquia, França, Polónia, República Checa e Rússia.

Com a primeira fábrica Toyota na Europa, construída em Portugal, mais precisamente na zona de Ovar, a produção acumulada do construtor japonês na europa atingiu 9 milhões unidades.

Didier Leroy, presidente e CEO da Toyota Motor Europa anunciou recentemente este marco no Salão Automóvel de Paris: "A Toyota Europa está a comemorar, este mês, um novo marco com a produção de seu carro 9.000.000, na Europa.

Atingidos 9 milhões de veículos produzidos na Europa
Atingidos 9 milhões de veículos produzidos na Europa

E sinto-me feliz por poder afirmar que o alcançamos esta marca com uma confiança graças a ampla gama de modelos, assim como um plano de produção sólido", referindo-se aos bons resultados económicos obtidos no último ano fiscal na Europa, integrados nos três anos consecutivos de crescimento de vendas neste continente, com planos para aumentar vendas ao longo do ano 2014.

"Na Toyota, temos uma longa tradição de produzir localmente os produtos que vendemos. Além desta filosofia, recentemente, ampliamos a nossa área de intervenção europeia ao abrir as exportações para fora deste continente com base na competitividade das nossas operações. Temos o compromisso de manter e aumentar a produção na Europa, trazendo as últimas tecnologias para este território, como as motorizações híbridas, inovações na gestão e técnicas de produção, permitindo que as nossas fábricas sejam cada vez mais competitivas a nível global", acrescentou Didier Leroy.

A nossa política de privacidade

Utilizamos cookies no nosso site para lhe prestarmos um melhor serviço.  Se concorda, continue a usar o site, ou então veja como gerir as cookies.